Algumas Curiosidades B

Planta-Vampira

Parece ser um extraterrestre que caiu na Terra, mas esta é a flor da Hydnora africana, que vive nos desertos da África Austral. A planta é incomum por não ter raízes, folhas ou clorofila e, exceto pela flor, vive totalmente sob a terra. Ela se comporta como um vampiro subterrâneo, usando ventosas nos caules para extrair o sumo das raízes de sua presa, a Euphorbia mauritanica, uma planta coberta de arbustos. O único sinal da planta acima do solo é quando o gomo rebenta, aumenta de tamanho e abre sua flor rosácea e corpulenta. Depois ela libera um forte odor de carne podre, e é assim que as pessoas geralmente a encontram (embora haja plantas mais fedorentas).

Essa é a Euphorbia mauritanica

 

O mau cheiro da flor e o rosa luminoso são um chamariz irresistível para moscas e besouros, que provavelmente se enganam achando que estão diante da carcaça de um animal. Quando os insetos entram na flor, seus “lábios peludos” se fecham para evitar que escapem. O interior da flor é liso e lubrificado com cera, e insetos, como besouros, escorregam nas bordas, presos lá dentro. Só depois de os insetos terem polinizado a planta é que ela se abre, deixando os prisioneiros fugirem.

Curiosidades Rápidas

Em meados do século 18, a geografia americana era tão pouco conhecida na Europa que a primeira edição da Enciclopédia Britânica, em 1768, descrevia a Califórnia como “um imenso país nas Índias Ocidentais”.

14 taças semanais de vinho tinto dizem ser precisas para evitar um resfriado.

Também conhecida como flor cadáver, a Amorphophallus titanium – ou jarro-titã – é considerada por muitos como a planta mais fedorenta da Terra. Quando ela floresce, libera um odor extremamente pútrido que parece carne podre, e pode ser sentido a quase 1 km de distância.

Essa é a Amorphophallus titanum

 

Fonte: BBC Knowledge Para Mentes Curiosas, número: 5, nov. 2009.

 

Anúncios